Encontros online de

09 de setembro à 09 de dezembro
Inscreva-seEntrar

Programação

Ciclo de Debates  da Política Nacional de Alimentação e Nutrição (PNAN)

09 de setembro, 05 e 21 de outubro, 18 de novembro e 09 de dezembro de 2021

}

16h às 18h

Horário de Brasília

I

Online

Transmissão ao vivo

1ª dia – Política Nacional de Alimentação e Nutrição no Brasil – 20 anos de história


16h00 – Mesa:

Mesa de Abertura e Boas Vindas

Gisele Bortolini
Coordenadora-Geral de Alimentação e Nutrição no Ministério da Saúde.
Possui doutorado em Nutrição pela Universidade de Brasília, na Linha de Pesquisa: Nutrição Social. Mestre em Ciências Médicas (2008) pela Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre e especialização em Gestão de Políticas de Alimentação e Nutrição pela Fiocruz (2009) e especialização em Gestão Pública na Saúde pela Universidade de Brasília (2016). Possui graduação em Nutrição pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (2005). Tem experiência na área de Saúde Pública e Nutrição atuando principalmente nos seguintes temas: Gestão de Políticas Públicas de Saúde e de Alimentação e Nutrição, Atenção Primária, Promoção da Saúde e avaliação das condições de saúde da população brasileira e da efetividade de ações.
 
Luisete Bandeira
Consultora de nutrição da OPAS/OMS no Brasil.
Mestre em Nutrição pela Universidade de Brasília, especialista em Políticas Públicas de Alimentação e Nutrição pela Fiocruz e consultora da unidade técnica de determinantes da saúde, doenças crônicas não transmissíveis e saúde mental da OPAS/OMS – Brasil.
 

16h20 – Mesa:

Avanços e Desafios nos 20 anos da Política Nacional de Alimentação e Nutrição

Sandra Chaves
Universidade Federal da Bahia.
Mestre em Saúde Pública, Doutora em Administração Pública pela Universidade Federal da Bahia, além de ter grande experiência no planejamento e avaliação de programas de alimentação e nutrição.
 

16h40 – Mesa:

Política Nacional de Alimentação e Nutrição: Contexto e perspectivas atuais

Gisele Bortolini
Coordenadora-Geral de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde.
Doutora em Nutrição pela Universidade de Brasília, especialista em gestão de políticas de alimentação e nutrição pela Fiocruz e especialista em gestão pública na saúde pela Universidade de Brasília.
 

16h50

Comentários do debatedor:

Inês Rugani
Universidade Estadual do Rio de Janeiro.
Doutora em Saúde Pública pela Universidade de São Paulo, mestre em Saúde Pública pela Fundação Oswaldo Cruz e coordenadora do Núcleo de Alimentação e Nutrição em Políticas Públicas da Universidade do Estado do Rio de Janeiro
(UERJ)
 

17h00

Debate

 

17h25

Encerramento

 

 

2ª dia – A demanda por novas práticas de atenção nutricional no Sistema Único de Saúde

 

 


Moderação:

Katiana Teléfora (SES/RJ)
Graduada em Nutrição pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2005), Especialista em Saúde Coletiva pelo Instituto de Estudos em Saúde Coletiva pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2007) e Especialista em Gestão Pública pela Faculdade da Cidade do Salvador (2015). Mestre em Saúde Pública pela Escola Nacional de Saúde Pública – FIOCRUZ. Atualmente atua na Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro, SES/RJ.
 

16h00 – Mesa:

Boas Vindas

Gisele Bortolini
Coordenadora-Geral de Alimentação e Nutrição no Ministério da Saúde.
Possui doutorado em Nutrição pela Universidade de Brasília, na Linha de Pesquisa: Nutrição Social.
Mestre em Ciências Médicas (2008) pela Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre e especialização em Gestão de Políticas de Alimentação e Nutrição pela Fiocruz (2009) e especialização em Gestão Pública na Saúde pela Universidade de Brasília (2016). Possui graduação em Nutrição pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (2005). Tem experiência na área de Saúde Pública e Nutrição atuando principalmente nos seguintes temas: Gestão de Políticas Públicas de Saúde e de Alimentação e Nutrição, Atenção Primária, Promoção da Saúde e avaliação das condições de saúde da população brasileira e da efetividade de ações.
 
Luisete Bandeira
Consultora de nutrição da OPAS/OMS no Brasil.
Mestre em Nutrição pela Universidade de Brasília, especialista em Políticas Públicas de Alimentação e Nutrição pela Fiocruz e consultora da unidade técnica de determinantes da saúde, doenças crônicas não transmissíveis e saúde mental da OPAS/OMS – Brasil.
 

16h10 – Mesa:

Entre intenções e contingências, antigos programas e demandas por novas práticas de atenção nutricional no SUS.

Kelly Alves (ACT- Promoção da Saúde)
Graduada em Nutrição, Especialista em Saúde da Família pela Universidade Estadual Vale do Acaraú, Mestre em Alimentação, Nutrição e Saúde, e Doutora em Saúde Coletiva, ambos pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro, e atualmente é consultora técnica da ACT – Promoção da Saúde.
 

16h25 – Mesa:

Reflexão sobre os processos de descentralização da Política Nacional de Alimentação e Nutrição

Andhressa Fagundes (UFS)
Graduada em Nutrição pela Universidade Católica de Brasília, Especialista em Gestão de Políticas de Alimentação e Nutrição pela Fundação Oswaldo Cruz e Especialista em Vigilância Alimentar e Nutricional Saúde Indígena pela Fundação Oswaldo Cruz. Mestre em Ciências da Saúde pela Universidade de Brasília e Doutora em Nutrição Humana pela Universidade de Brasília. Atualmente é docente do Departamento de Nutrição, da Universidade Federal de Sergipe (UFS).
 

16h35 – Mesa:

Os desafios da organização do cuidado das pessoas com obesidade no SUS

Mariana Lopes (UFMG)
Graduada em Nutrição pela Universidade Federal de Minas Gerais. Mestre em Enfermagem e Doutora em Saúde Pública pela mesma universidade. Atualmente é Integrante do Grupo de Pesquisas de Intervenções em Nutrição (GIN/UFMG).
 

16h45 – Mesa:

Recomendações para intensificar as ações de alimentação e nutrição na APS

Gisele Bortolini (CGAN)
Coordenadora-Geral de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde.
Doutora em Nutrição pela Universidade de Brasília, especialista em gestão de políticas de alimentação e nutrição pela Fiocruz e especialista em gestão pública na saúde pela Universidade de Brasília.
 

16h55

Debate

 

17h30

Considerações finais

3ª dia – Promoção da Alimentação Adequada e Saudável


Moderação:

Lígia Amparo (UFBA)
Graduação em Nutrição pela Universidade Federal da Bahia, graduação em educação física pela Universidade Católica de Salvador. Mestre Medical Education pela University of Dundee e Doutora em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Atualmente é Professora Associada IV da Escola de Nutrição da Universidade Federal da Bahia.
 

16h00 – Mesa:

Boas Vindas

Gisele Bortolini
Coordenadora-Geral de Alimentação e Nutrição no Ministério da Saúde.
Possui doutorado em Nutrição pela Universidade de Brasília, na Linha de Pesquisa: Nutrição Social.
Mestre em Ciências Médicas (2008) pela Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre e especialização em Gestão de Políticas de Alimentação e Nutrição pela Fiocruz (2009) e especialização em Gestão Pública na Saúde pela Universidade de Brasília (2016). Possui graduação em Nutrição pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (2005). Tem experiência na área de Saúde Pública e Nutrição atuando principalmente nos seguintes temas: Gestão de Políticas Públicas de Saúde e de Alimentação e Nutrição, Atenção Primária, Promoção da Saúde e avaliação das condições de saúde da população brasileira e da efetividade de ações.
 
Luisete Bandeira
Consultora de nutrição da OPAS/OMS no Brasil.
Mestre em Nutrição pela Universidade de Brasília, especialista em Políticas Públicas de Alimentação e Nutrição pela Fiocruz e consultora da unidade técnica de determinantes da saúde, doenças crônicas não transmissíveis e saúde mental da OPAS/OMS – Brasil.
 

16h10 – Mesa:

Narrativas sobre Alimentação Adequada e Saudável

Luciene Burlandy (UFF)
Graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, mestre em Saúde Pública pela Fundação Oswaldo Cruz e doutora em Saúde Pública pela Fundação Oswaldo Cruz. Atualmente é professora Associada da Universidade Federal Fluminense do curso de graduação em Nutrição.
 

16h30 – Mesa:

Guia Alimentar para a população brasileira como indutor de políticas em diferentes setores

Patrícia Jaime (USP)
Graduação em Nutrição pela Universidade Federal de Goiás, especialista em nutrição hospitalar pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Mestre e doutora em Saúde Pública pela Universidade de São Paulo. Atualmente é Professora titular do Departamento de Nutrição da Faculdade de Saúde Pública (FSP) da Universidade de São Paulo (USP).
 

16h50 – Mesa:

Guia Alimentar para crianças brasileiras menores de 2 anos: potencialidades e desafios para sua implementação

Jorginete Damião (UERJ)
Graduação em Nutrição pela Universidade Federal Fluminense, Residência em Saúde Coletiva e Especialista em Intervenções Nutricionais em Saúde Coletiva, ambas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Mestre em Saúde Pública pela Fundação Oswaldo Cruz e Doutora pela Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo. Atualmente é professora associada da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.
 

17h10

Debate

 

17h40

Considerações finais

4ª dia – Saúde, Alimentação e Equidade


Moderação:

Tatiana Wargas (Fiocruz/RJ)
Psicóloga. Doutora em Saúde Coletiva pelo Instituto de Medicina Social da UERJ. Pesquisadora do Departamento de Ensino do Instituto da Mulher, da Criança e do Adolescente – Instituto Fernandes Figueira da FIOCRUZ. Integra o Grupo de Pesquisa Estado, Proteção Social e Políticas de Saúde? da ENSP/FIOCRUZ. Integra e coordena o grupo Caminhos para Análise de Políticas na Saúde. Desenvolve atividades de docência e pesquisa nos temas: história da saúde, saúde coletiva e reforma sanitária; análise de políticas públicas, sistema político e saúde, relações entre Poderes na saúde, com ênfase no Poder Legislativo.
 

16h00 – Mesa:

Boas Vindas

Gisele Bortolini
Coordenadora-Geral de Alimentação e Nutrição no Ministério da Saúde.
Possui doutorado em Nutrição pela Universidade de Brasília, na Linha de Pesquisa: Nutrição Social.
Mestre em Ciências Médicas (2008) pela Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre e especialização em Gestão de Políticas de Alimentação e Nutrição pela Fiocruz (2009) e especialização em Gestão Pública na Saúde pela Universidade de Brasília (2016). Possui graduação em Nutrição pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (2005). Tem experiência na área de Saúde Pública e Nutrição atuando principalmente nos seguintes temas: Gestão de Políticas Públicas de Saúde e de Alimentação e Nutrição, Atenção Primária, Promoção da Saúde e avaliação das condições de saúde da população brasileira e da efetividade de ações.
 
Luisete Bandeira
Consultora de nutrição da OPAS/OMS no Brasil.
Mestre em Nutrição pela Universidade de Brasília, especialista em Políticas Públicas de Alimentação e Nutrição pela Fiocruz e consultora da unidade técnica de determinantes da saúde, doenças crônicas não transmissíveis e saúde mental da OPAS/OMS – Brasil.
 

16h10 – Mesa:

Perspectiva da interseccionalidade para a qualificação das políticas públicas de saúde

Emanuelle Goes (Fiocruz/BA)
Atualmente é pesquisadora Pós-Doc (CIDACS/Fiocruz/Bahia). Doutora em Saúde Pública com concentração em Epidemiologia (ISC/UFBA) defendendo a tese sobre Racismo e Aborto. Realizou Estagio Sanduíche na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação (Universidade do Porto). Mestra em Enfermagem pela Universidade Federal da Bahia na Linha de Pesquisa Mulher, Gênero e Saúde. Pesquisadora Associada do Grupo de pesquisa Saúde das Mulheres, Enfermagem, Gênero, Raça e Etnia (GEM-Raça/Etnia) (UFBA), Pesquisadora do Programa de Estudos em Doenças Crônicas Não Transmissíveis, Curso de Vida e Envelhecimento – Elsa/Brasil (ISC/UFBA). Foi Conselheira Nacional de Saúde pelo segmento de usuárias/os – Movimento Negro (2016). Criadora População Negra e Saúde. Foi Assessora de Gênero e Raça no Fundo de População das Nações Unidas (2009/2010). Implementou e Coordenou a Política de Saúde da População Negra no Município de Lauro de Freitas (2005/2007). Possui especialização em Saúde Coletiva com concentração em analise de dados secundários epidemiológicos pelo Instituto de Saúde Coletiva da UFBA (2007). É graduada em Enfermagem pela Universidade Católica do Salvador (2004). É integrante do Grupo Temático Racismo e Saúde da Associação Brasileira de Saúde Coletiva/Abrasco. Integrante do Conselho Editorial da coleção Diálogos da Diáspora da Editora Hucitec. Conselheira Editorial do Portal Catarinas.
 

16h25 – Mesa:

Saúde e Nutrição de pessoas privadas de liberdade

Ribamar Araújo (MNPCT)
Possui graduação em Filosofia pelo Centro Universitário Assunção (1986). Atualmente é estudante do curso de extensão em economia da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, coordenador – Cáritas Brasileira Regional do Maranhão, pró reitor de ensino da Universidade Virtual do Estado do Maranhão, seltivado – Mecanismo NAcional de Prevenção e Combate à Tortura e perito do mecanismo nac. de prevenção e comba – Mecanismo Nacional de Prevenção e Combate à Tortura.
 

16h40 – Mesa:

Alimentação e Nutrição e a população em situação de rua

Ivo Lima (ENSP/Fiocruz)
Cirurgião-dentista graduado pela Universidade Federal de Pernambuco (2009), Especialista em Saúde da Família na Modalidade Residência pela Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca da Fundação Oswaldo Cruz (ENSP/FIOCRUZ), mestre em Saúde Pública na subárea de Políticas Públicas e doutorando em Saúde Pública pela mesma instituição (ENSP/FIOCRUZ). Por quatro anos, foi odontólogo da equipe de Consultório na Rua da A.P 3.3 da cidade do Rio de Janeiro onde também atuou enquanto preceptor da Residência Multiprofissional em Saúde Mental do Instituto de Psiquiatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IPUB/UFRJ), Residência em Medicina de Família e Comunidade da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e supervisor dos cirurgiões dentistas residentes da ENSP/FIOCRUZ. É membro dos grupos de pesquisa “Estado, Proteção Social e Políticas de Saúde” e “Contexto, Trajetória e Características das Políticas e Sistemas de Saúde na América Latina: o Brasil em perspectiva comparada”. Atualmente, é professor das disciplinas de Saúde Coletiva para o curso de graduação em odontologia da UNIFAA ? Centro Universitário de Valença/RJ.
 

16h55 – Mesa:

Alimentação e Nutrição e populações indígenas

Inara Nascimento (UFRR)
Cientista Social pela Universidade Federal do Amazonas (2010), Mestre em Antropologia Social pela Universidade Federal do Amazonas (2012). Tem experiência na área de Antropologia, com ênfase em Etnologia Indígena, atuando principalmente nos seguintes temas: saúde indígena, segurança alimentar e nutricional/soberania alimentar e povos indígenas, movimento indígena e políticas públicas indigenistas. Compõe o Grupo de Trabalho – GT Saúde Indígena da Associação Brasileira de Saúde Coletiva – ABRASCO. É docente no curso de Gestão em Saúde Coletiva Indígena no Instituto Insikiran de Formação Superior Indígena – Universidade Federal de Roraima. Atualmente é doutoranda do Programa de Pós – Graduação em Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade – CPDA/ UFRRJ.
 

17h10

Debate

 

17h40

Considerações finais

5ª dia – A Política Nacional de Alimentação e Nutrição na perspectiva da Segurança Alimentar e Nutricional


Moderação:

Sandra Chaves (UFBA)
Graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1978), mestrado em Saúde Pública pela Universidade Federal da Bahia (1989) e doutorado em Administração Pública pela Universidade Federal da Bahia (2001). Professor Associado da Escola de Nutrição da Universidade Federal da Bahia. Desenvolve atividades de ensino de graduação (área da saúde coletiva) e pós-graduação (Metodologia da Pesquisa em Alimentos e Nutrição;Nutrição e políticas públicas; Segurança Alimentar e Nutricional) e de pesquisa. Compõe o quadro de professores permanentes , ensina e orienta mestrandos no programa de pós-graduação em alimentos, nutrição e saúde da Escola de Nutrição da UFBA. Vice-coordenadora da Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional. Membro do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional de Salvador.
 

16h00 – Mesa:

Boas Vindas

Gisele Bortolini
Coordenadora-Geral de Alimentação e Nutrição no Ministério da Saúde.
Possui doutorado em Nutrição pela Universidade de Brasília, na Linha de Pesquisa: Nutrição Social.
Mestre em Ciências Médicas (2008) pela Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre e especialização em Gestão de Políticas de Alimentação e Nutrição pela Fiocruz (2009) e especialização em Gestão Pública na Saúde pela Universidade de Brasília (2016). Possui graduação em Nutrição pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (2005). Tem experiência na área de Saúde Pública e Nutrição atuando principalmente nos seguintes temas: Gestão de Políticas Públicas de Saúde e de Alimentação e Nutrição, Atenção Primária, Promoção da Saúde e avaliação das condições de saúde da população brasileira e da efetividade de ações.
 
Luisete Bandeira
Consultora de nutrição da OPAS/OMS no Brasil.
Mestre em Nutrição pela Universidade de Brasília, especialista em Políticas Públicas de Alimentação e Nutrição pela Fiocruz e consultora da unidade técnica de determinantes da saúde, doenças crônicas não transmissíveis e saúde mental da OPAS/OMS – Brasil.
 

16h10 – Mesa:

O que é falar de Segurança Alimentar e Nutricional em um momento de tantas disputas

Elisabetta Recine (UnB)
Graduação em Nutrição pela Universidade de São Paulo (1982), mestrado em Ciências (Fisiologia Humana) (1988) e doutorado em Saúde Pública (1999), ambos pela Universidade de São Paulo. Docente e coordenadora do Observatório de Políticas de Segurança Alimentar e Nutrição da Universidade de Brasília. Linhas de pesquisa e atuação: políticas públicas de alimentação e nutrição, segurança alimentar e nutricional, direito humano à alimentação adequada, sistemas e ambientes alimentares e formação profissional.
 

16h30 – Mesa:

A Insegurança Alimentar e Nutricional para além dos números

Valéria Burity (FIAN Brasil)
Graduação em Direito (1999) e mestrado em Ciências Jurídicas pela Universidade Federal da Paraíba (2005). Desde 2002 milita na área de direitos humanos, especialmente com o tema de Soberania e Segurança Alimentar e Direito Humano à Alimentação e à Nutrição Adequadas. Tem como principais experiências de trabalho a participação em espaços de concertação política, a elaboração e facilitação de cursos de direitos humanos, monitoramento de casos de violações de direitos, elaboração e gestão de projetos e monitoramento de políticas públicas. Atualmente é coordenadora da Fian Brasil, Organização pelo Direitos Humano à Alimentação e Nutrição Adequadas, advoga e é consultora em direitos humanos e soberania e segurança alimentar e nutricional.
 

16h40

Comentários

Renato Maluf (UFRRJ)
Professor Titular do Departamento de Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade (DDAS) e membro permanente do Programa de Pós-Graduação de Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade (CPDA), da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). Graduado em Ciências Econômicas (UNIMEP, 1973), Mestre (1976) e Doutor (1988) em Economia Política (UNICAMP). Programas de pós-doutoramento na Oxford University (UK, 1996-7) e na Ecole des Hautes Etudes en Sciences Sociales (Paris, 2000-1), e Estágio sênior na City, University of London (2017). Coordenador do Centro de Referência em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (CERESAN/UFRRJ), e integrante do Observatório de Políticas Públicas para a Agricultura (OPPA/UFRRJ). Coordenador do CPDA/UFRRJ no período Agosto-2012 a Julho-2014. Conselheiro Titular (2003-2016) e Presidente (2007-2011) do Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (CONSEA), Presidência da República do Brasil. Membro do Comitê Diretivo do Painel de Alto Nível de Especialistas em Segurança Alimentar do Comitê das Nações Unidas de Segurança Alimentar Global , 2010-2015. Integrante da Chaire UNESCO – Alimentations du Monde, Comité d´Orientation Stratégique (Collège Personnalités Qualifiées), sediada em Montpleliier (França), desde 2011. Membro da Coordenação Nacional do Fórum Brasileiro de Segurança Alimentar e Nutricional desde 1998. Coordenador da Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional, 2017/21.
 

16h50

Debate

 

17h25

Considerações finais

I

Debates anteriores

A demanda por novas práticas de atenção nutricional no Sistema Único de Saúde
Gisele Bortolini
Coordenadora-Geral de Alimentação e Nutrição no Ministério da Saúde.

Luisete Bandeira
Consultora de nutrição da OPAS/OMS no Brasil.

Katiana Teléfora
SES/RJ

Kelly Alves
ACT- Promoção da Saúde

Andhressa Fagundes
UFS

Mariana Lopes
UFMG

Política Nacional de Alimentação e Nutrição no Brasil – 20 anos de história

Gisele Bortolini
Coordenadora-Geral de Alimentação e Nutrição no Ministério da Saúde.

Luisete Bandeira
Consultora de nutrição da OPAS/OMS no Brasil.

Sandra Chaves
Universidade Federal da Bahia.

Inês Rugani
Universidade Estadual do Rio de Janeiro.